Dub Reality
Indigenous Resistance

NOVA MÚSICA DE DEEDER ZAMAN INSPIRA OS COLETIVOS LABOMB, I.R, THE GHOST, DUBDEM E AKAIDER A FAZEREM UMA AÇÃO NA RUA

Há algum tempo atrás a I.R recebeu uns tracks do novo albúm de Deeder Zaman “Pride Of The Underdog”, que inclui músicas como “Us & Us” e “Bruk Up”. A intenção também era fazer um vídeo com algumas dessas, músicas que serviriam como um link no esforço em informar as pessoas sobre o assassinato no Brasil de Galdino, um ativista Pataxo.

Deeder Zaman está envolvido em concertos e eventos comunitários que a IR & Dubdem têm organizado para fazer com que as pessoas saibam do caso do Galdino.

Estas AÇÕES, como a do enorme banner do Galdino que o Labomb e a IR colocaram no Rio de Janeiro, são designadas, também, para QUEBRAR O SILÊNCIO SOBRE GALDINO e a mitologia colocada pelo Estado brasileiro de que esta tudo bem com relação AOS DIREITOS DOS INDÍGENAS no Brasil.

Então, quando Deeder nos pediu para filmar um material para ele, decidimos criar uma ação na rua e filmar esse processo. O nome da ação foi “BRUK UP BABILON’S ILLUSIONS” que em português significa “QUEBRAR AS ILUSÕES DA BABILONIA”. Literalmente significa que se devem quebrar as ilusões impostas pelas cidades e pelos governos.

Criamos um banner gigante composto por imagens da Ital Roots Dubssentials series. São variações de algumas imagens de livros, artes e musicas da IR & Dubdem, que alguns de nós da IR sentimos serem ferramentas essenciais para lutas radicais.

Não há absolutamente nenhum comércio envolvendo o porquê nós decidimos em promover este trabalho; na realidade as pessoas que escreveram aquelas palavras não sabem o que estamos fazendo.

Nós simplesmente respeitamos esse trabalho e o potencial dele para QUEBRAR AS ILUSÕES DA BABILONIA!!!

The Ghost e Dubdem criaram esse banner que representam 3 trabalhos radicais.

O primeiro “When The Veneer Of Democracy Starts To Fade (QUANDO A CASCA DA DEMOCRACIA COMECAR RACHAR) por Mark Stewart é um álbum clássico lançado pelo selo “On U Sound” e mixado pela lenda Adrian Sherwood”.

O áudio é um mix de noise, dub, funk soundsystem e punk; vibes filtradas por Adrian Sherwood, que esta à frente de seu tempo com afiadas habilidades na mixagem.

A letra de Mark Stwart deste lançamento assim como a do lançado “The Pop Group” é simplesmente incrível. Entre outras coisas, é crítica pesada ao que chamamos de democracia que é na verdade um autoritarismo cheio de abusos.

Há uma razão porque Mark Stewart inspirou muitos da IR e do Asian Dub Foundation e este álbum é a prova do por que.

Recentemente nós lemos que há alguns anos atrás, músicos como D. Watts Riot andavam por aí ouvindo uma fita cassete que tinha o rapper Public Enemy de um lado e Mark Stewart do outro.É dificil pensar em uma letra e som mais perigoso do que este.

O segundo trabalho é “Parable Of The Sower” de Octavia E. Butler.

Como o escritor e poeta Audre Loudre, Octavia E. Butler simplesmente nos fascina com seus pontos de vista visionários. Uma imaginação do futuro com uma visão alternativa é em nossa opinião essencial para movimentos mais radicais.

Usando da ficção científica ela disseca o trabalho do mundo do dinheiro, das etnias e dos gêneros. Particularmente nós realmente amamos sua subversão com relação ao que seriam os papeis dos gêneros. É interessante para nós o que pessoas comuns falam sobre seu trabalho. Lawrence L. Johnson escreveu “Esqueçam Star Trek, isso é coisa de criança comparado com Octavia E. Butler”. Ou Nnedi Okarafor que escreveu em 25 de fevereiro de 2011: “Hoje é o 5 aniversário da morte da grande Octavia E. Butlers. Saia e leia seu livro, eles vão mudar o seu mundo”.

Realmente respeitamos essas opiniões. O Underground Resistance é fã do trabalho dela assim como nós.

Simplesmente a coloca como feroz e radical dub. Um desafio direto para o sistema da babilônia.

A terceira imagem do banner é do livro “African Anarchism, The History Of A Movement” de Sam Mbah e E. Igariew.

Recentemente a IR fez um vídeo na África da música “Brothers and Sisters” e o processo de filmagem afronta o estereótipo e os conceitos rasos que pessoas de todo o mundo têm sobre a África… Guerras militares, ditadores despóticos, fome por toda parte, etc.

Algumas vezes é necessário pesquisar e encontrar realidades alternativas e pontos de vista diferentes. “Afriacan Anarchism;The History Of A Movement” mostra a história da ativistas na África que se focaram coletivamente em ações antiautoritárias e atividades sociais em oposição a dinâmica que criou os poderes obsessivos e despóticos, como o do primeiro ministro Mugabe no Zimbabwe. É um lado da história africana e uma crítica às politicas autoritárias na África que não recebem muita atenção.

O Brasil tem a maior população de descendentes africanos fora do continente e constantemente encontramos pessoas buscando histórias e perspectivas da África, por isso nós pensamos que seria especialmente relevante representar esse livro no banner que colocamos em São Paulo.

Recentemente a IR, Labomb, The Ghost, Dubdem e Akaider mandaram bem em uma ação colocando um banner gigante que criamos em um lugar público, fazendo também um grafite e filmando o processo.

Nossa intenção é realmente inspirar pessoas para que USEM OS ESPAÇOS PÚBLICOS, que são afinal nossos espaços para expressar e oferecer pontos de vista diferentes dos que o sistema que nos impor.

Por essa razão mostramos o vídeos e as fotos de como fizemos. Varias mulheres e homens participaram dessa ação, mas nessas fotos só verão uma parte das pessoas envolvidas.

Esse indivíduo é alguém particularmente talentoso na arte de escalar as paredes da babilônia! As outras pessoas que deram suporte no estilo IR ficaram ocultas…

A vibe foi ótima durante a AÇÃO e para nós da IR, realmente importante foi que cada pessoa contribuiu com dub e de forma única para o processo. Foi a combinação dessas únicas contribuições que fizeram tudo fluir de forma maravilhosa. Dub coletivo organizado por 3 continentes sendo que havia uma limitação de comunicação e de tecnologia, superadas pela AÇÃO.

Um prova do que pode ser feito quando os envolvidos compartilham do mesmo motivo, comprometimento e confiança um nos outros.

Você pode visitar o local onde isso tudo aconteceu e ver o banner e o grafitti.

Rua Belmiro Braga. Beco do Grafitti. São Paulo – Brasil.

VALEU POR LISA DE LABOMB POR TRADUZIR ESSE TEXTO

Sempre bon por pensar con calma antes un AÇÃO foto:akaider

foto : akaider

banner pronto por colocar

foto : akaider

foto : akaider

AÇÃO a noite ..completa foto: akaider

pode visitar por ver mais perto a Rua Belmiro Beco do Grafitti. São Paulo – Brasil.

Deeder Zaman vocalista originale de Asian Dub Foundation que inspira esse AÇÃO

banner desenho para dubdem & the ghost

No Responses to “NOVA MÚSICA DE DEEDER ZAMAN INSPIRA OS COLETIVOS LABOMB, I.R, THE GHOST, DUBDEM E AKAIDER A FAZEREM UMA AÇÃO NA RUA”

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: